TRE recomenda impugnação de candidaturas de fichas sujas do Acre

106
 

A lista de candidatos a deputado estadual e federal impugnados pelo Tribunal Regional Eleitoral do Acre conta com 17 nomes, alguns deles famosos.

Há ex-secretários do atual governo, ex-prefeitos e candidatos à reeleição. Dos 17, dois são candidatos a deputado federal: o ex-prefeito de Feijó, Merla Albuquerque (Psol) e Eudemir Gomes Bezerra (MDB).

Os candidatos impugnados são: Gemil Júnior (PDT), ex-secretário de Saúde; Rafael Almeida (PDT),

Ex-diretor-presidente do Ise; João Edvaldo Teles, também do PDT;

Os deputados estaduais Lorival Marques e Leila Galvão, ambos do PT;

Gilberto Diniz (PSL);

Marcos Antônio Lima Cavalcante (PTB);

André Hassem e Vanderley Viana, ex-prefeitos de Epitaciolândia e Xapuri, respectivamente;

José Altamir Taumaturgo de Sá e Paulo César da Silva, os dois do PRP; 

Francimar Fernandes (PT),

Aldemir Lopes e

Edvaldo Magalhães (PCdoB), este ex-diretor-presidente do Depasa no Acre.

O Tribunal ainda não publicou em seu site os motivos da impugnação. A lista com os nomes, entretanto, é oficial. Os candidatos ainda podem recorrer das decisões.

Vale salientar que os nomes que constam na lista de impugnação estão sob análise ou aguardando julgamento no Tribunal. Como está em processo de julgamento cabe ao órgão deferir ou não a candidatura.