CNH: segunda via e definitiva podem ser solicitadas no site do Detran

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Os motoristas que precisam obter a segunda via ou a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) definitiva não precisam se preocupar com o atendimento presencial suspenso por conta do decreto que trouxe o retorno da bandeira vermelha ao Acre.

É que, para agilizar o atendimento e garantir mais comodidade aos usuários, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) disponibiliza, em seu site, a opção de solicitar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) definitiva e a segunda via.

Para acessar os serviços, o usuário precisa se cadastrar no autoatendimento do site. Após o preenchimento do cadastro de identificação, deve informar o e-mail e senha. Em seguida, um link será enviado ao e-mail cadastrado e o usuário deve confirmar o cadastro clicando nesse link. Após a confirmação, a solicitação desejada pode ser concluída.

“Vale lembrar que, no momento do cadastro, todos os dados devem ser preenchidos igualmente aos da habilitação impressa. Se um sobrenome está abreviado, por exemplo, é preciso escrever da mesma forma, para conseguir o acesso”, explica a chefe da Divisão de Atendimento ao Público-Habilitação da autarquia, Elisangela Brasil.

Para pessoas que mudaram de município e querem solicitar a segunda via de habilitação ou a habilitação definitiva por meio do site, é importante observar se o endereço cadastrado junto ao Detran está atualizado, já que o documento é enviado para o município em que o condutor está cadastrado.

“Se for necessário atualizar o endereço, é só escolher essa opção dentro da plataforma de autoatendimento e atualizar antes de solicitar o serviço desejado. Caso contrário, a CNH será enviada para a Ciretran do município que já está no prontuário do condutor”, enfatiza Elisangela.

Neste momento em que os serviços estão suspensos, as CNHs continuam sendo impressas, porém, como os postos do Detran/AC estão fechados, a orientação é que os cidadãos baixem e habilitem o aplicativo da CNH digital até que os serviços presenciais voltem a ser oferecidos e os cidadãos possam pegar o documento impresso.