Gladson e Rocha: Quem alimentou a briga deles foram os “Conselheiros”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Coluna da Angélica 

Conversa

O governador e o vice-governador conversaram, finalmente. A conversa aconteceu na volta do Juruá onde foram fazer o lançamento da campanha de vacinação contra a Covid-19. Sentados frente a frente e olhos nos olhos, as duas mais importantes autoridades do estado mantiveram uma conversa tranquila. Quem ouviu garante que foi amistosa. Cordial até. Mas que o Major Rocha (PSL) não deixou de atribuir a “conselheiros” de Gladson o atrito entre eles. O governador concordou. Como em toda situação de conflito é só seguir o fio e ver a quem interessa a briga que só beneficiou os adversários do governador, porque o desgaste ficou restrito aos dois. Quem alimentou a briga teve algum interesse nela.

…e possibilidades

Espera-se que a cordialidade observada nas alturas resista em baixa altitude. Na verdade, o governador vem fazendo algumas tentativas. Em dezembro mandou recados e emissários à casa do vice. Rocha disse estar aberto a “uma volta às boas”, caso Gladson propusesse. Os passos estão sendo dados. A paz entre o governador e o vice diminui a sensação de insegurança da população em relação ao governo, assim como a solidão política de Gladson. Ou o governador acha que vai poder contar com as lideranças que o levaram a vitória em 2018 quando for disputar a próxima daqui a menos de dois anos?

Cargos

Testemunhas da conversa entre Gladson e Rocha afirmam que o fator cargos não entrou na pauta. Não creio que seja esse o ponto crucial. Cargos são consequência, não o ponto principal numa relação política. Rocha não aceitou cargos no governo Michel Temer (MDB), o que o deixou livre para criticar o presidente-tampão quando achou necessário, ao contrário dos outros parlamentares acreanos que apoiaram Temer.

…na mesa

São fortes os rumores que o Cidadania estaria disposto a entrar para a base de apoio ao governador Gladson Cameli. Os críticos dizem que a hora é de atenção às nomeações publicadas no Diário Oficial. Embora o partido não tenha muito a contribuir. Não tem deputado estadual nem federal pelo Acre. Em tempo, Rômulo Barros quando vice-prefeito de Capixaba (2012-2016), acumulou os vencimentos de vice e de funcionário da Funasa até que os munícipes ganharam uma ação contra o acúmulo no Tribunal de Justiça do Acre.

Nota Depasa

A respeito de nota da coluna colocando em dúvida a qualidade da água distribuída pelo Depasa, a presidenta Waleska Dessotti, enviou nota na qual afirma que a água atende aos padrões de potabilidade estabelecidos pela Portaria 2.914/2011, do Ministério da Saúde. De acordo com a nota, todos os exames necessários são feitos. Mas foi exatamente com base nas informações sobre o resultado dos exames publicados nas contas de água que o engenheiro Roberto Feres chegou à conclusão que a água não atende às exigências. A nota do Depasa só informa o tipo de exames de controle que são feitos, o que não invalida a conclusão de Roberto Feres sobre os resultados.

Prova

A presidenta afirma que na ETA II, as amostras são coletadas a cada duas horas e depois levadas para o laboratório de controle de qualidade da água na capital, onde os resultados são sistematizados e atestados por técnicos das áreas de biologia, química e engenheiros sanitaristas, profissionais credenciados para analisar e atestar a qualidade da água tratada e que todos os dados são informados em relatórios mensais que são encaminhados ao Sistema Nacional de Controle e Vigilância da Água (Siságua). Feres disse que espera que as amostras coletadas na produção não estejam entre as que estão fora do padrão. Senão estarão dando atestado de que o tratamento também é ruim.

…de fogo

O engenheiro e perito da polícia federal Roberto Feres, não descarta a possibilidade da contaminação por coliformes fecais mostrada nos resultados dos exames publicados na conta de água aconteça na rede de distribuição. Ou seja, a água sairia das ETAs sem contaminação, mas chegaria às residências contaminada por resíduos presentes nos canos. O que na avaliação dele só daria para resolver se a água chegasse nas residências 24h por dia, 7 dias por semana. Convenceria mais rápido se a presidenta do Depasa tomasse um copo cheio de água da torneira. Água do Depasa.

Em favor

Em favor da presidenta Waleska, está o fato do abastecimento de água da capital ter melhorado em 500% desde que assumiu. Na época do antecessor nem água nem nada.

De volta

O ex-vereador Juracy Nogueira, está de volta à Câmara de Vereadores, desta vez como assessor parlamentar no gabinete do vereador Francisco Piaba (DEM). Juracy, conta com a simpatia de todos por lá. Ele deixou saudades quando renunciou ao mandato em agosto de 2015 por descontentamento com o cenário político estadual e nacional.

Imoral

O presidente da Câmara de Vereadores de Rio Branco, N-Lima (PP), decidiu que as sessões vão continuar na modalidade remota, mas não falou nada sobre cortar a cota de combustível e de gráfica. Esses benefícios não são para uso pessoal, são para serviços do mandato e sem as sessões presenciais não tem motivo para continuarem sendo pagos. A mesa anterior também não cortou. Pode ser legal, mas não deixa de ser imoral.

Meia boca

O governador de São Paulo, João Dória (PSDB), decretou que durante a noite apenas serviços essenciais estarão autorizados a funcionar. Aos sábados, domingos e feriados, isso valerá para o dia todo. A decisão vale a partir de segunda-feira (25). O governador Gladson Cameli tomou decisão parecida, vai decretar a partir da próxima semana um “toque de recolher” durante o período da noite. O toque de recolher vai impedir a circulação das 22 horas às 6 horas da manhã. O médico e cientista Miguel Nicolelis pergunta se combinaram com o coronavírus para não infectar as pessoas antes do horário do toque de recolher: “como é possível que acreditem que esta medida meia-boca vai dar resultado?” Em São Paulo está morrendo uma pessoa por Covid a cada 6 minutos.

Lockdown

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse que vai manter o fechamento total. Segundo o jornal “The Guardian”, os cientistas concluíram que a nova variante, ou nova cepa do coronavírus, chamada B117, pode aumentar a taxa de mortalidade em até 30%, além de se espalhar mais rapidamente. Boris Johnson alertou a população do Reino Unido sobre os riscos, motivo da quarentena. O primeiro-ministro disse que a medida só será flexibilizada quando 15 milhões de pessoas no Reino Unido estiverem vacinadas. O B117, mais contagioso e mais mortal, circula no Amazonas.

Boa noite Rainha-mãe, Linda Cameli. Se preocupe não com o peso da palavra. Só verbalizou o que muita gente pensou.