Márcio Bittar diz que JV não tem moral para criticar orçamento: “babaca, covarde e hipócrita”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

O senador Márcio Bittar (sem partido) não deixou por menos as declarações do ex-senador Jorge Viana (PT), nesta quinta-feira, 18, de que o “Orçamento secreto é um caso de polícia”. As declarações do petista foram dadas em entrevista à TV Gazeta.

Nos últimos 15 dias, o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu por 8 votos a 2, a execução do “orçamento secreto”, que ficou conhecido como emendas parlamentares pagas na modalidade “emendas de relator”, do qual Bittar é o mandatário.

LEIA TAMBÉM: >>>Jorge Viana diz que “Orçamento Secreto” de Bittar é parecido com mensalão do PT

Para o petista, o ‘orçamento secreto’ é pior que o mensalão, escândalo de compra de votos que ameaçou derrubar o governo Lula em 2005. Ao contrapor a fala de Jorge Viana, Bittar o chamou de uma “pessoa babaca, covarde e hipócrita”.

Durante a entrevista ao ac24horas, o senador afirmou que Jorge Viana não tem moral para falar de nada em razão de sua aliança com o ex-presidente Lula, condenado em 2º instância mas teve suas condenações anuladas pelo STF, em razão da suspeição do ex-juiz, Sérgio Moro.

“Primeiro que quem faz aliança com bandido condenado, em segunda instância, é o Jorge Viana com o Lula. E, segundo, ninguém do PT tem moral pra dar lição em ninguém porque nunca na história do mundo houve roubalheira como no governo do PT”, disparou o senador.

Em outro trecho, Bittar argumentou que não existe orçamento ‘secreto’ e disse que senadores da bancada do PT destinaram também emendas do relator, a famosa RP-9, da qual Bittar é relator.

“Se ele tem críticas ao orçamento que é do Diário Oficial e que não tem nada de secreto. Então, ele tem que denunciar o partido dele porque os senadores do PT têm indicações de RP-9, é preciso deixar de ser hipócrita. Essa comparação é esdrúxula e quem defende bandido, condenado e preso é o Jorge Viana que defende o Lula. A bancada do PT no Senado também indicou emenda de relator, então ele tem que deixar de ser hipócrita e tem que sair do PT, babaca!. Eles comemoram a perda de recursos para a saúde, educação e infraestrutura. O Jorge é hipócrita e ele sabe que qualquer recurso que saia de Brasília vai ser fiscalizado por todos os órgãos fiscalizadores e não tem nada que vá chegar ao Estado sem passar por um pente fino. Covarde como sempre”, afirmou.