Médica burla sistema e toma três doses da vacina contra a Covid-19, caso vai para MP

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Por Aline Nascimento, G1 AC

Uma médica ginecologista, que atua em Rio Branco, burlou o sistema e conseguiu receber três doses de vacina contra a Covid-19. A prefeitura do município divulgou uma nota, nesta quarta-feira (7), confirmando que a profissional tomou a vacina da Janssen, que é dose única, nessa terça (6). O local de vacinação foi no drive-thru montado em frente ao 7º BEC.

Segundo a nota da prefeitura, a ginecologista tomou a primeira dose da vacina Coronavac no dia 26 de janeiro. A segunda dose do imunizante foi aplicada no dia 23 de março. Assim, a profissional de saúde concluiu o esquema vacinal.

Porém, na terça, a ginecologista recebeu a terceira dose da Janssen. A irregularidade foi descoberta após uma denúncia. “E sendo uma pessoa instruída sobre o perigo de fazer o cruzamento de vacinas sem estudos e sem recomendação do Ministério da Saúde, a médica não poderia burlar o sistema, para tomar uma terceira dose da vacina, agora da Janssen, sendo assim um péssimo exemplo para sociedade”, destaca parte da nota.

Ainda conforme o comunicado, assinado pelo secretário municipal de saúde, Frank Lima, o caso será levado ao conhecimento do Ministério Público, da Superintendência do Ministério da Saúde no Acre e dos órgãos de controle ‘para instaurar os devidos procedimentos legais, pois trata-se de crime contra o patrimônio público e que coloca em risco a vida, já que não tem estudos que apontem nessa direção’.

Flagrantes

A Secretaria de Saúde de Rio Branco (Semsa) afirmou ainda que na terça foram identificadas mais duas pessoas tentando tomar a terceira dose da vacina na Policlínica Barral & Barral e outra na Urap Eduardo Assmar.

“Ao serem identificadas, foi tirado um print da página do aplicativo e pedido para essas pessoas se retirarem das filas”, afirma.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação do Ministério do Público do Acre (MP-AC) para saber se o órgão já recebeu alguma denúncia de pessoas que tomaram ou tentaram tomar a terceira dose da vacina. A assessoria informou que a Ouvidoria do MP-AC ainda não recebeu nenhuma notificação sobre isso, e que pediu informações à promotoria de saúde.

Nota na íntegra da prefeitura:

A Vigilância Municipal de Rio Branco detectou no dia de ontem, pelos registros da vacina da combate ao Corona Vírus, que uma profissional Médica burlou o sistema de vacinação de Rio Branco para tomar uma terceira dose da vacina.

Mesmo sendo a profissional médica, beneficiada pelo público de profissionais da Saúde com a primeira dose da vacina Coronavac, da qual tomou a primeira dose dia 26/01/2021 e a segunda dose no dia 24/03/2021, fechando assim o esquema vacinal. E sendo uma pessoa instruída sobre o perigo de fazer o cruzamento de vacinas sem estudos e sem recomendação do Ministério da Saúde, a médica não poderia burlar o sistema, para tomar uma terceira dose da vacina, agora da Janssen, sendo assim um péssimo exemplo pra sociedade.

Esse fato será levado ao conhecimento do Ministério Público, da Superintendência do Ministério da Saúde no Acre e dos órgãos de controle, para instaurar os devidos procedimentos legais, pois tratar-se de crime contra o patrimônio publico e que coloca em risco a vida, já que não tem estudos que apontem nessa direção.

No dia de ontem 06/07 mais duas pessoas foram identificadas através do aplicativo, tentando toma outra vacina, um na Policlínica Barral & Barral e outra na URAP Eduardo Asmar. Ao serem identificadas, foi tirado um print da página do aplicativo e pedido para essas pessoas se retirarem das filas.

Frank Lima – Secretário Municipal de Saúde