Padre do Acre cobra devedores da paróquia durante missa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Circula em redes sociais um vídeo no qual o pároco de São Sebastião, em Xapuri, Antônio Menezes, faz um desabafo durante a missa do último domingo, 18, sobre as arrecadações da igreja.

O sacerdote informa que a paróquia recebeu R$ 15 mil de leilões realizados e parabeniza os irmãos que fizeram o pagamento em dia, mas fez uma dura cobrança aos maus pagadores.

“Eu sei que aqui em Xapuri tem muita gente que arremata o leilão e paga direitinho. Tem gente que paga até na hora, parabéns. Pra você a gente vende até a casula do padre, você que é homem e mulher de verdade, mas tem gente que arremata gado, ou melhor, arrematava, e depois é uma burocracia do cão (do cachorro, ele esclarece) para receber”.

O padre pediu desculpas pelo desabafo, mas disse que os irmãos precisam ser honestos com a igreja e disse que se for preciso levará os devedores à Justiça.

“É chato para mim e para a igreja, mas se continuar demorando para pagar eu vou levar à Justiça, é claro que vou. O responsável pela igreja é o padre, se não pagar a igreja eu vou à Justiça”, reforçou.

Informações apuradas dão conta de que alguns devedores já procuraram a secretaria da paróquia após a cobrança de padre Antônio.

À reportagem, o pároco de São Sebastião disse que a igreja de Xapuri está sendo revitalizada e que todas as arrecadações feitas são destinadas às obras missionárias.

“Esse desabafo foi uma forma de alertar para que não aconteça mais. A igreja tem novas regras quanto a isso e elas terão que ser respeitadas”, concluiu o religioso.

O padre Antônio Menezes está em Xapuri desde o começo deste ano, quando veio substituir o padre Francisco das Chagas, que estava à frente da paróquia de São Sebastião fazia 15 anos.

Sebastião fazia 15 anos.